Esportes

'Ridículas', capitã da seleção americana de futebol feminino critica multas por racismo no esporte

'Ridículas', capitã da seleção americana de futebol feminino critica multas por racismo no esporte

A capitã da seleção norte-americana de futebol feminino, Megan Rapinoe, criticou as multas aplicadas pela Fifa em casos de racismo. Ela também alertou para o fato de que atletas profissionais não podem agir de forma conivente com torcedores que hajam de maneira preconceituosa.

“Se houver um único exemplo de racismo e as jogadoras em campo não ficarem indignadas, então elas são parte do problema. Uma multa de 65 mil libras é uma piada, as multas por racismo no esporte são ridículas. Para mim deve ser uma medida extrema, que cause danos à equipe e à federação. Então tem que ser um grande dano financeira”, afirmou a atacante em uma entrevista.