Esportes

Homens salvam filhote de pássaro e chamam um Uber para transportá-lo

Por Rafaela Damasceno

A caso inusitado aconteceu em Utah, nos Estados Unidos, no último sábado do junho. Tim Crowley contou que estava bebendo com alguns amigos quando eles notaram o pequeno animal que havia caído do ninho. Ele ainda era muito novo e não sabia voar sozinho, então precisava urgentemente de ajuda.

O pequeno filhote de passarinho se aconchegando em uma mão

Foto: Wildlife Rehabilitation Center of Northern Utah

Crowley e seus amigos largaram suas bebidas e começaram a pensar no que poderiam fazer. Primeiro, moveram o passarinho para um lugar seguro; depois, decidiram que o melhor a ser feito era transportar o filhote para o Centro de Reabilitação de Vida Selvagem do Norte de Utah, onde certamente saberiam como cuidar dele. O problema é que nenhum deles sabia como levá-lo, já que todos tinham bebido.

“Nós bebemos algumas cervejas e não estávamos seguros para dirigir”, contou Crowley ao The Dodo. “Então um dos nossos amigos sugeriu que chamássemos um Uber. Foi uma piada no começo, mas então dissemos ‘por que não?’”

O que começou como uma piada se tornou a melhor ideia que eles tinham, então foi o que fizeram. Quando o carro chegou, eles explicaram à motorista que o pequeno passarinho seria o passageiro.

No início, a mulher ficou chocada, mas logo aceitou a missão.

O passarinho chegou em segurança, mas o meio de transporte deixou os membros do centro de reabilitação surpresos. Apesar de tudo, eles afirmaram que levar o filhote até ali foi a solução correta.

O pequeno passarinho deitado em um pano

Foto: Wildlife Rehabilitation Center of Northern Utah

“Enquanto sentimos que já vimos de tudo e nada nos surpreenderá, sempre aparece alguém para nos provar que estamos errados”, escreveu o centro, em nota. “Obrigado por resgatarem e ajudarem esse pequeno a receber os cuidados necessários e obrigado por manterem a estrada e a si mesmos seguros”.

O passarinho resgatado, apelidado pelos amigos de Petey, está muito bem. A previsão é libertá-lo novamente na vida selvagem nas próximas semanas, quando ele crescer forte o suficiente para sobreviver por conta própria na natureza.


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, independentemente do valor, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.