Esportes

Emissora de rádio afasta comentarista que fez ofensa racista contra Marinho

A Rádio Energia 97FM anunciou hoje que afastou o comentarista Fábio Benedetti, conhecido como Chef Benedetti, após uma fala racista contra o atacante Marinho, do Santos, durante jogo contra a Ponte Preta realizado ontem nas quartas de final do Paulistão.

"A Energia 97FM repudia severamente as palavras proferidas e vem por meio deste deixar explícito que não compactua com nenhum tipo de injúria racial. Decidimos afastar o comentarista e já estamos em contato com ele para decidirmos como serão conduzidos os próximos passos", disse a emissora em nota divulgada à imprensa.

No intervalo da partida, após o atacante Marinho, que é negro, ser expulso, Benedetti foi questionado sobre o que diria ao santista em um suposto grupo de Whatsapp do qual os dois fariam parte.

Benedetti afirmou: "Eu vou falar assim: 'Você é burro, você está na senzala, você vai sair do grupo uma semana para pensar sobre o que você fez."

O comentário causou indignação em parte da audiência. A rádio "Energia 97" transmitia a partida também no Youtube, de onde um trecho foi retirado e publicado nas demais redes sociais. Ainda durante a transmissão, o comentarista pediria desculpas pela sua declaração.

Questionado no Twitter sobre sua postura, Benedetti, que é chef de cozinha além de comentarista, pediu desculpas. "Fui muito mal... Errei feio, usei uma palavra que nunca deveria, mesmo que sem intenção", escreveu a uma pessoa que o interpelou. "Na mesma hora percebi que falei uma grande M, pedi desculpas, mas sei que foi ridículo."

Procurado pela reportagem, Benedetti disse que não poderia atender no momento porque estaria em uma reunião.

Leia a íntegra da nota

Na noite de quinta-feira, dia 30/07/2020, durante a transmissão do jogo entre Santos e Ponte Preta no programa Energia em Campo, o integrante Fábio Benedetti fez um comentário racista em relação ao jogador Marinho do Santos.

A Energia 97FM repudia severamente as palavras proferidas e vem por meio deste deixar explícito que não compactua com nenhum tipo de injúria racial. Decidimos afastar o comentarista e já estamos em contato com ele para decidirmos como serão conduzidos os próximos passos.

Nos desculpamos e nos solidarizamos com todos, principalmente, com o jogador Marinho e sua família.

Nós como rádio estamos atentos às manifestações de nossos ouvintes e não nos ateremos apenas à palavras ou desculpas.

Atenciosamente,

Rádio Energia 97FM.