Esportes

Diretor do Corinthians nega oferta por Rony e aposta em Everaldo no setor

Após a goleada do Corinthians por 4 a 1 sobre o Botafogo-SP, na Arena Corinthians, pela primeira rodada do Campeonato Paulista, Duílio Monteiro Alves, diretor de futebol do alvinegro, explicou o posicionamento do clube no mercado da bola. O dirigente se mostrou incomodado com as notícias de que estaria disputando a contratação do atacante Rony, do Athletico Paranaense, com o rival Palmeiras.

A diretoria do Corinthians nega veementemente a negociação e diz que não há interesse no jogador no momento. A cúpula e o técnico Tiago Nunes só confirmam que o Rony fazia parte de uma lista de possíveis reforços elaborada no fim do ano passado, assim como Michael, que acertou com o Flamengo.

"É uma sacanagem, pois vão dizer depois que perdemos para a concorrência sem sequer termos entrado na briga", afirmou Duílio.

O diretor alega que o Corinthians estuda outros nomes no mercado da bola. Além disso, lembrou que o atacante Everaldo, contratado do Fluminense em 2019 e que sofreu com lesões, voltará a jogar em breve para reforçar o setor.

"Existem colegas [imprensa] colocando que estamos na briga, mas isso não existe. Consultamos [Rony] em dezembro, soubemos da multa de 12 milhões de euros e não caminhamos. Paramos. Hoje não existe possibilidade negócio com ele, o Corinthians não vai fazer essa investida. Hoje não tem nada, não tem proposta. É importante não gerar expectativa na torcida. Nós estamos trabalhando nessa posição, tem Everaldo retornando, então em breve ele vai estar à disposição, o que existe é isso", disse Duílio.

"É uma posição que hoje temos poucas opções no mercado. Trouxemos o Everaldo no ano passado que pouco jogou por lesão, está voltando, isso ajuda. Ele era dúvida por tempo de voltar, mas ele está melhor, fez bons treinos e pode treinar em campo. Analisamos outros nomes, chegam diariamente ainda, sabendo que queremos essa posição, mas não quero revelar nomes porque pode atrapalhar negociações, mas estudamos sim", completou, deixando aberta a possibilidade de uma negociação futura com Rony caso ele permaneça no Athletico.

"Ele é um excelente jogador. Tiago colocou ele como um nome, Michael também, além de outros, mas o valor de Rony é alto, e não fizemos proposta. No mundo do futebol não se sabe o dia de amanhã, não dá para descartar nada. Daqui seis meses ele vem, um ano, e eu saio como mentiroso, mas tem que tomar muito cuidado com o que diz para não gerar expectativa na torcida. Entendo que criem-se novelas, disputas, é interessante pela audiência, mas o Corinthians não fez proposta. Se o Palmeiras fez, não sei, desconheço. No momento, Corinthians não pretende fazer esse investimento", declarou Duílio.

Para a temporada 2020, o Corinthians contratou quatro reforços até o momento: o meia Luan, ex-Grêmio, o volante Victor Cantillo, ex-Junior Barranquilla, da Colômbia, o lateral-esquerdo Sidcley, emprestado até o fim do ano pelo Dínamo de Kiev, da Ucrânia, e o jovem Davó, ex-Guarani.