Esportes

CR7 faz apelo contra o coronavírus e comemora alta da mãe após AVC

Um dia depois de deixar a quarentena para passear com a namorada Georgina Rodríguez e dois filhos em Funchal, Portugal, jogador Cristiano Ronaldo pediu que as pessoas fiquem em casa durante a pandemia do novo coronavírus.

Em um post no Instagram com os três filhos, o português ressaltou o momento difícil e fez um apelo: "Neste momento difícil para todo o mundo, vamos ser gratos pelas coisas que importam - nossa saúde, nossa família, nossos entes queridos. Fiquem em casa e vamos ajudar os profissionais de saúde que estão lutando para salvar vidas", postou ele.

Ontem, o jogador da Juventus também usou o Instagram para agradecer a volta da mãe para casa. Dolores Aveiro estava no hospital desde o dia 3 de março quando sofreu um AVC (acidente vascular cerebral).

"Me sentindo agradecido por ter minha mãe de volta do hospital e se recuperando. Cuide de seus familiares e entes queridos", escreveu ele ao lado da mãe e das irmãs Katia e Elma.