Esportes

Chelsea planeja fazer "pacotão de vendas" com Kepa e mais 7, diz jornal

A amarga derrota para o Bayern de Munique na Liga dos Campeões, em Londres, causou um verdadeiro terremoto nos bastidores do Chelsea.

Com a duríssima tarefa de reverter um 3 a 0 para avançar no torneio continental e ocupando a 4ª posição no Campeonato Inglês, o time treinado por Frank Lampard deve ter mudanças radicais nos próximos meses.

Relacionadas

"Vingança" e "domínio com uísque": jornais repercutem 3 a 0 do Bayern

Lampard diz que derrota do Chelsea é "preocupante", mas acredita em virada

Willian admite que negociação com Chelsea está mais distante: "Situação difícil"

De acordo com o jornal The Sun, o técnico, que é idolo do Chelsea como jogador e assumiu o clube em julho do ano passado, deve promover até oito saídas no elenco.

Entre os nomes no "pacote de vendas" está o do espanhol Kepa, que chegou à Inglaterra em 2018 com status de "goleiro mais caro do mundo".

Os ítalo-brasileiros Emerson e Jorginho também fazem parte da lista divulgada pelo veículo britânico. O lateral é criticado pela ineficiência defensiva, enquanto o meio-campista é visto como uma promessa que não deslanchou.

Willian, que está na mira do Barcelona, é outro citado. O brasileiro tem contrato com o clube até junho e quer ficar em Londres por mais três anos, período considerado alto pelo Chelsea também por sua idade - ele tem 31 anos.

Os outros quatro nomes que podem sair do Chelsea são o lateral Marcos Alonso, o zagueiro Zouma, o meia Barkley e o atacante Pedro.