Entretenimento

Rapper acusado de oferecer sexo e drogas para adolescentes admite conduta, mas não vai "aceitar acusações"

Rapper acusado de oferecer sexo e drogas para adolescentes admite conduta, mas não vai

Na manhã desta sexta-feira (06/12/2019) começou a circular na internet imagens de um diálogo em que Diomedes Chinaski assedia uma jovem de 15 anos. No print da conversa, é possível ver o rapper perguntando se ela já era “iniciada na arte do sexo”. Esta não é a primeira vez que o artista recebe acusações do tipo. Há alguns meses, Diomedes foi acusado de oferecer sexo e drogas apara outra adolescente.

Em sua conta no Twitter, o artista usou uma nota antiga, para ressaltar novamente que cometeu erros gravíssimos no passado, mas que “busca aprender todos os dias com eles”. O músico conclui dizendo existir pessoas “comprometidas em destruir sua carreira”.

Diomedes ainda critica a cultura do cancelamento, que considera “seletiva e inconsequente”. Para ele, ser juiz de internet não salva ninguém do seu próprio submundo. E conclui: “Mas assumir [os erros] e tentar evoluir com eles sim. Não vou aceitar mais nenhum tipo de acusação”.