Economia

Preço dos combustíveis chega aos menores valores do ano, aponta Ticket Log

Preço dos combustíveis chega aos menores valores do ano, aponta Ticket Log

O comportamento de baixa no preço médio para todos os tipos de combustível se manteve em maio, apontam dados da Ticket Log. A gasolina, que em abril era encontrada nos postos por R$ 4,253 o litro, registrou no último mês a média de R$ 4,005, uma queda de 6%. Já o etanol passou de R$ 3,451 para R$ 3,206 em maio, recuo de 7,1%. Quando comparado com as maiores médias registradas para esses combustíveis no ano, o recuo médio nas bombas chega a 14%.

O índice tem como base os abastecimentos realizados nos 18 mil postos credenciados da Ticket Log, marca de gestão de frotas e soluções de mobilidade da Edenred Brasil. A empresa monitora o abastecimento de 1 milhão de veículos em todo o país.

“Nossa base de dados nos permite analisar o cenário desde janeiro, que mês a mês revela um comportamento de baixa. A gasolina, por exemplo, manteve uma constância no recuo, porém ainda não é possível prever se permanecerá nesse ritmo em junho, tendo em vista os últimos anúncios de alta no repasse às refinarias”, afirma o head de Mercado Urbano da Edenred Brasil, Douglas Pina.

Embora o Estado de São Paulo tenha o etanol mais barato do Brasil, encontrado a R$ 2,375, a Região Centro-Oeste liderou a menor média para o combustível, vendido a R$ 2,832, recuo de 7,42% em relação a abril. Quando o valor da região é comparado ao da Região Norte, onde o litro é encontrado à média de R$ 3,547, a diferença fica em 20%. O Nordeste se manteve com queda em todos os combustíveis, com destaque para recuo de 7,5% no diesel, que teve o litro vendido ao preço médio de R$ 3,210.

Já a gasolina é vendida ao menor valor na Região Sul, com média de R$ 3,763, recuo de 5,38%, ante abril. O Norte concentra o maior valor médio da gasolina, vendida a R$ 4,094. No recorte por Estados, o valor mais alto para o combustível continua no Rio de Janeiro, com preço médio de R$ 4,436, mesmo com o recuo de 4,3%. Já o litro mais barato foi registrado no Amapá, comercializado a R$ 3,341.

Em maio de 2019 o preço médio do diesel no Brasil era de R$ 3,822. Em maio de 2020, o preço médio é de R$ 3,238, ou seja, uma redução de 15,27%. Já a gasolina tinha média de R$ 4,704 em maio/19 e R$ 4,005 em maio deste ano, queda de 14,85%. Para finalizar, o etanol era vendido à média de R$ 3,711 em maio do ano passado e em maio de 2020 teve média de R$ 3,206, um recuo de 13,60%.