Economia

Com salto de 46%, Magazine Luiza puxa crescimento de marcas nacionais

Com salto de 46%, Magazine Luiza puxa crescimento de marcas nacionais

Apesar da economia estacionada, as 25 maiores marcas do país são avaliadas em R$129 bilhões este ano, quase 8% mais que o somatório verificado em 2018.

Segundo levantamento da consultoria Interbrand, Itaú segue na liderança do ranking, avaliado em R$ 33,5 bilhões. Esse número representa crescimento de 13% com relação ao ano passado.

Em segundo, o Bradesco vale R$ 24 bilhões, uma alta de 10%

Já a terceira posição ficou com a Skol, com R$ 17,2 bilhões de valor de marca, alta de 1%.

O crescimento, contudo, foi puxado pelo Magazine Luiza, que saltou 46% em valor de marca.

O varejista vale R$ 1,08 bilhão de reais, um recorde de valorização entre as 25 maiores marcas do país.

Veja abaixo o ranking completo:

Itaú: R$ 33,5 bilhões

Bradesco: R$ 24,8 bilhões

Skol: R$ 17,2 bilhões

Brahma: R$ 11,4 bilhões

Banco do Brasil: R$ 10,9 bilhões

Natura: R$ 8,3 bilhões

Antarctica: R$ 3,8 bilhões

Petrobras: R$ 3,1 bilhões

Vivo: R$ 2,5 bilhões

Renner: 1,5 bilhão

Lojas Americanas: R$ 1,3 bilhão

Cielo: R$ 1,15 bilhão

Ipiranga: R$ 1,13 bilhão

Magazine Luiza: R$ 1,08 bilhão

BTG Pactual: R$ 877 milhões

Porto Seguro: R$ 824 milhões

Havaianas: R$ 735 milhões

Casas Bahia: R$ 678 milhões

CVC: R$ 627 milhões

Localiza: R$ 560 milhões

SulAmérica: R$ 554 milhões

Assaí: R$ 553 milhões

Atacadão: R$ 529 milhões

Fleury: R$ 481 milhões

Totvs: R$ 478 milhões